Notícias

Regime semiaberto do goleiro Bruno poderá ser solicitado a partir do próximo dia 13 de outubro

O goleiro Bruno pode pedir a progressão de pena para o regime semiaberto domiciliar a partir do dia 13 de outubro, deixando o sistema prisional, após a Justiça de Varginha (MG) atualizar o atestado de pena com os dias remidos por tempo trabalhado e por estudo. De acordo com informações do G1, a atualização do atestado foi assinada nesta quarta-feira (03) pelo juiz Tarcisio Moreira de Souza, da 1ª Vara Criminal e de Execuções Penais da Comarca de Varginha. O pedido de progressão, no entanto, não é concedido de imediato, já que precisa ser analisado também pelo Ministério Público. Caso seja concedida a progressão, Bruno vai ter o direito de dormir em casa, uma vez que Varginha não possui albergados ou outras instituições onde o preso possa ir apenas para dormir. Ou seja, na prática, é similar ao regime aberto. Bruno foi preso em 2010 e depois condenado pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza Samúdio e por sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. Em 2017, o goleiro chegou a ser solto por uma liminar, mas depois teve a medida revogada e foi preso em Varginha, onde cumpre pena em regime fechado desde então.

hrbahia.com.br

Mostrar Mais

Publicações Relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Detector de Propagandas Detectado

Por favor, desative o seu bloqueador de anúncios para nos ajudar.